MICRO REDES SOCIAIS

shutterstock_58591429-22qa8k2

Outro dia alguém me perguntou: o WhatsApp é uma rede social?
Respondi, convicto, que sim.
Mas depois fiquei pensando sobre o tema.
Hoje em dia, o termo Rede Social é usado pra quase tudo.
As redes humanas existem há milhares de anos e começaram a ser estudadas, pra valer, nos últimos dois séculos.
Quando falamos Rede Social, atualmente, quase sempre estamos nos referindo ao espaço digital.
A verdade é que não existe uma definição exclusiva para sites e aplicativos que servem de plataforma para nossa troca de ideias.
Rede Social, em qualquer situação – analógica ou digital – tem as mesmas características gerais: uma estrutura de conexões entre pessoas.
No caso do Facebook, fica fácil encaixar a definição.
Mas, no WhastApp, não.
Muita gente ainda usa o aplicativo como alternativa ao velho SMS (mensagem de texto).
Desse jeito, ele parece mais uma ferramenta de comunicação ponta a ponta, como o telefone, não uma rede.

How-to-Create-a-Social-Networking-Profile_photo_FINALIZED
Ao mesmo tempo, é cada vez mais comum a criação de grupos sociais no WhatsApp.
Se formos analisar bem, cada um tem a sua própria característica.
É como se fosse uma Micro Rede Social.
Diferentemente do Facebook e do Twitter, ambas macro e, quase sempre, públicas.
Nas micro redes do WhatsApp a dinâmica é muito parecida com o dos pequenos grupos privados que temos no mundo offline e seus diversos atores sociais.
Amigos, família, colegas de trabalho.
Cada grupo agora tem o seu espaço definido também no ambiente digital.
Claro que, antes, já era possível criar grupos fechados no Facebook ou, participar de comunidades no finado Orkut.
Mas, insisto, a dinâmica é diferente.
No WhatsApp ela é mais próxima da realidade: rápida, segmentada, privada, em forma de conversa falada.
As pessoas se sentem mais à vontade pra falar coisas que não falam nas Macro Redes Sociais.
Ao longo da história, muitos sociólogos estudaram as relações humanas, de forma ampla, em grandes redes.
Outros, partiram para a análise micro-sociológica.
A diferença é que, antigamente, as interações eram mais facilmente observáveis.
Agora, no mundo digital, a dinâmica é quase invisível, pra quem está fora das Micro Redes.
É preciso encontrar uma forma de entrar nesse novo universo e estudá-lo.
Afinal, boa parte do que vamos chamar de Rede Social, no futuro, está acontecendo agora.
E pouca gente está vendo.

(Rafael Coimbra)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s