A VERDADE SOBRE A PÓS-VERDADE

Das afirmações abaixo quais são verdadeiras?

a) 1+1=2.
b) A Terra gira em torno do Sol.
c) Maradona é melhor que Pelé.

A primeira pouca gente vai discordar que é verdade.
A segunda também. Mas é bom lembrar que ao longo de muitos e muitos anos foi considerada mentira.
A terceira, bem… depende se você é argentino ou brasileiro.
Minha provocação aqui é refletir sobre o conceito de verdade.
Ou melhor, sobre “pós-verdade“.
Pra quem não lembra, pós-verdade foi o termo do ano, em 2016, escolhido pelo famoso dicionário Oxford.
A explicação: “uma circunstância em que fatos objetivos são menos importantes para a formação da opinião pública do que o apelo emocional ou crenças pessoais”.
Ou seja, na prática, significa que a verdade é deixada de lado em função de outros fatores.
Mas o que é a verdade?
Eu tenho a minha própria convicção. Mas não me atrevo a definir o que seria a Verdade com letra maiúscula, a “verdade universal”.
Desde a Grécia antiga os filósofos tentam isso e até hoje nunca chegaram a um consenso.

barsotti-truth-2-580-jpg
O que proponho aqui é uma reflexão sobre o uso dos termos “verdade” e “mentira” nas Redes Sociais.
Vamos a alguns pontos:

Informação x Opinião

Tenho percebido que o processo de misturar informação e opinião é cada vez mais intenso. Informação é tudo aquilo que recolhemos através dos nossos sentidos e transformamos em algo compreensível na nossa cabeça. É por meio das informações que formamos opiniões. Quanto mais informações, provavelmente mais robusta será a sua opinião.
Mas boa parte do que circula na rede é opinião “transformada” em informação ou vice-versa.
Exemplos:
a) pegar o artigo de alguém “importante” criticando algo e compartilhar o texto como se aquela opinião fosse uma informação verdadeira. “Tá vendo! Olha só o que o fulano disse!”.
b) pegar uma reportagem sobre um fato e compartilhar apenas acrescentando “É isso mesmo!” Nesse caso, uma informação sendo transformada em opinião.

brain-and-heart
Razão x Emoção

Se você observar a caixa de comentários de qualquer site noticioso vai perceber que a maior parte das opiniões expressas ali, na verdade, são sentimentos.
Em vez de construções lógicas, baseadas em fatos, o que encontramos são manifestações emotivas, principalmente raiva.
Quase sempre não existem argumentos nem convite ao debate. Há uma necessidade de se posicionar. E esse posicionamento se faz por meio de uma emoção caracterizada como opinião.

Opinião divergente x Mentira

Já percebemos que o debate nas redes está polarizado e cada vez mais fechado em bolhas.
A simplificação está chegando num ponto em que…

Quando alguém concorda com a minha opinião é verdade.
Quando alguém discorda é mentira.

Se a gente parar pra pensar com calma aqui também são duas coisas distintas. Posso discordar de alguém, apresentar fatos diferentes e tentar convencer o outro de que ele está enganado. Mas simplesmente dizer que a pessoa está mentindo porque não concordo é injusto.
Tem gente que vai além e impede o outro de se expressar, como se existisse apenas uma verdade única no mundo (a pessoal).
Esse caminho é o da intolerância. E infelizmente vem se tornando o padrão.

Na tentativa de por alguma ordem ao caos midiático o Facebook vem lançando várias iniciativas. A mais recente é treinar jornalistas. A ideia é evitar que boatos e notícias falsas sejam compartilhados.
Tudo válido e muito bonito. Mas é preciso lembrar que a censura mora ao lado.
Uma coisa é barrar uma informação comprovadamente falsa. É preciso um esforço enorme de checagem. Dá trabalho e custa caro.
Outra coisa é impedir uma opinião diferente de circular porque alguém afirma ser mentira. Existe um terreno subjetivo e – cada vez mais complexo – já que informação, opinião, razão e emoção estão misturados numa torrente de publicações e compartilhamentos.
Quem vai julgar o que é “verdade”?
A partir de que critérios?

sopa-censorship-bill.jpg

Tudo o que escrevi acima não é necessariamente verdade. É apenas uma opinião. Concorde você com ela… ou não.

Rafael Coimbra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s